À conversa com a Carmo Cambão!

10 Comentários

À conversa com a Carmo Cambão!

Mais um grande de Mãe de gémeos que partilha a sua história inspiradora.

Obrigada.

🙂

Aos Pares: Qual a tua reação quando soubeste que estavas grávida?

C: Fiquei super contente! O Henrique já tinha 3 anos e queríamos muito ter mais filhos, por isso ficámos muito felizes quando o teste deu positivo.

Aos Pares: Sempre desejaste ter mais que um filho, qual o teu número ideal?

C: Sempre pensei que gostava de ter 3 filhos, mas sinceramente já achava que não fosse possível. O tempo vai passando e nem sempre as coisas correm como sonhámos.

Aos Pares: Qual a sensação quando soubeste que ias ter gémeos?

C:Quando soube que eram gémeos fiquei em choque! A cabeça a mil e o corpo a zero, sem reação. No fundo sabia que havia possibilidade disso acontecer, mas não estava preparada. Acho que fiquei calada a consulta toda. Na altura, o Pedro estava para fora em trabalho e a minha irmã foi comigo à consulta. À saída da consulta enviei uma mensagem ao Pedro a dizer que eram gémeos, mas ele achou que eu estava a gozar com ele. Acho que, mesmo depois de falarmos, mesmo quando ele regressou, só acreditou que era verdade quando voltámos à consulta e ele viu os dois corações a bater.

Aos Pares: A tua gravidez correu bem? Alguma recomendação para as grávidas?

C: Sim, correu super bem! Adorei as minhas gravidezes porque foram muito tranquilas. Nesta, especificamente, aproveitei ao máximo porque deixei de trabalhar às 16 semanas, por isso pude preparar-me para a missão de ser mãe de gémeas e também dar mais atenção ao Henrique.

A melhor recomendação que posso fazer para as grávidas é que desfrutem ao máximo da gravidez, procurando descansar bastante, viver em ambientes tranquilos, evitando ao máximo situações de stress. Ao mesmo tempo, é importante estarem ativas. Eu fiz ioga e caminhadas diárias até ao final da gravidez e isso revelou-se fundamental para o meu bem estar físico e psicológico e também para a recuperação do pós-parto.

Aos Pares: O que levar na mala de maternidade?

C: Eu segui as indicações daquelas listas que as maternidades facultam. Faltando qualquer coisa há sempre alguém que pode ir a casa buscar. Para além disso, levo sempre um bom creme hidratante e uma base em pó para ajudar a disfarçar o cansaço do parto.

Aos Pares: Quais são as tuas rotinas diárias como mãe e mulher?

C: Agora que ainda não estou a trabalhar, depois de ajudar o Pedro a preparar o Henrique para a escola e de tratar das gémeas, deixo-as com a empregada e tento sair sempre um bocado de manhã. Vou tomar o pequeno almoço e fazer uma caminhada/ corrida ou vou à ginástica pós-parto. Depois há sempre qualquer coisa para tratar: ir ao supermercado, à farmácia, manicure… De vez em quando aproveito para almoçar com amigos e uma vez por semana vou almoçar fora com o Pedro. É a nossa oportunidade para estarmos só os dois! À tarde, depois de dar o biberão às gémeas, vou buscar o Henrique à escola e tento fazer alguma coisa com só com ele: ir ao parque, à piscina, fazer atividades de expressão plástica. Ao fim da tarde, entro nas rotinas dos banhos e jantares, para as quais, a maior parte das vezes tenho a ajuda da minha mãe e de babysitters. Claro que pelo meio há mil coisas para arrumar e organizar. É um dia cheio!

Aos Pares: Consegues conciliar a vida de mãe com o trabalho?

C: Como referi acima, ainda não regressei ao trabalho. Vou tentar prolongar a licença até setembro pois, como sou professora, não fazia muito sentido recomeçar no final do ano letivo, para além de que as gémeas ainda precisam muito de mim! A partir de setembro, as gémeas vão para a creche, o Henrique está na escola e eu vou regressar ao trabalho. Tenho noção que vai ser muito exigente, mas vou tentar organizar-me bem para conseguir conciliar tudo da melhor maneira.

Aos Pares: Qual o papel do Pai aí em casa?

C: Felizmente, o Pedro ajuda imenso cá em casa. Faz um pouco de tudo e, quando está em casa, está sempre disponível. Durante a semana, é ele que dá o pequeno-almoço, veste, prepara e leva o Henrique à escola. Ao fim do dia, quando chega do trabalho, ajuda a dar-lhe o jantar, arruma a cozinha, ajuda-me a deitar os miúdos, a mudar as fraldas, a dar os biberões às gémeas,… É um trabalho de equipa!

Aos Pares: Qual o episódio mais divertido e o mais caricato que tiveste com os teus filhos?

C: Acho que os episódios mais divertidos e caricatos são aqueles do dia a dia. Saídas inesperadas, e por vezes asneirentas, do Henrique, a interação que a Matilde e a Carolina já começam a ter uma com a outra e com o irmão. É muito giro vê-los a crescer!

Aos Pares: Qual o maior susto que apanhaste como Mãe?

C: Os maiores sustos são sempre aqueles que apanhamos quando eles ficam doentes, claro… Recentemente, apanhámos uma grande susto com a Carolina, que caiu, bateu com a cabeça e fracturou o crânio. Felizmente não passou mesmo de um susto e está tudo bem com ela.

Aos Pares: És preocupada com a roupa dos teus filhos? Qual a tua loja preferida?

C: Sim, gosto de os ver bem arranjadinhos, mas também não sou muito obcecada. Tenho a sorte de me emprestarem imensa roupa e compro roupa em segunda mão nos grupos de vendas de mães, mas claro que também gosto de lhes comprar coisas novas. Normalmente compro-lhes a roupa na Zippy, na Zara, na Coobie, na Knot, na Laranjinha e na DOT.

Aos Pares: Qual o teu maior desejo e o teu maior medo como mãe?

C: O meu maior desejo é que sejam sempre saudáveis e que saibam aproveitar cada momento das suas vidas com otimismo e auto-confiança. O maior medo é que tenham um acidente e que fiquem gravemente doentes…

Aos Pares: Como gostas de passar o teu tempo em família?

C: Gosto de aproveitar o bom tempo e o sol e passear ou estar ao ar livre. As gémeas ainda são muito pequenas, mas gosto de ver o Henrique a brincar e a sujar-se à vontade.

Aos Pares: Os filhos dão-nos muitas alegrias, qual a maior que tiveste?

C: Adoro ver os meus filhos a brincarem juntos! E adoro que eles queiram o mimo da mãe.

Aos Pares: Recomendações pós-parto?

C: No início, deve-se ter calma. É difícil mas é sempre a melhorar! Aproveitar todos os momentos para descansar ou dormir é fundamental para recuperar do parto e das noites mal dormidas. Com o passar do tempo é importante sair de casa e retomar ou iniciar rotinas que nos permitam ter o nosso espaço como mulheres. Para mim, as caminhadas/ corridas são essenciais para me manter sã psicologicamente e para recuperar a forma física. Manter uma alimentação saudável, beber muita água e, tendo possibilidade, frequentar aulas de recuperação pós-parto são atitudes fundamentais para acelerar a recuperação.

Aos Pares: Quais as roupas que recomendas às grávidas?

C: Recomendo roupas leves e confortáveis. Eu usava leggings ou calças de grávida e camisas ou camisolas largas. Nesta última gravidez, como eram gémeas, usei uma cinta da Anita que me ajudou imenso a amparar a barriga e a conseguir manter-me ativa até às 38 semanas.

Aos Pares: Programa perfeito com os filhos no verão?

C: Para mim, que adoro Sol e calor, o programa perfeito passa por um bom dia de praia com todos. Como as gémeas ainda são pequenas, provavelmente, este ano não vou conseguir fazer esse programa.

Aos Pares: Recomendações para Mães de gémeos?

C: Aproveitem toda a ajuda que puderem ter! Este foi um conselho que uns amigos, também pais de gémeos, nos deram e, de facto, é também o melhor conselho que eu posso dar. Nós temos empregada todo o dia e babysitters ao fim da tarde. Para além disso, contamos com a ajuda preciosa dos nossos pais, irmãos e com a ajuda da família e dos amigos. Toda a ajuda é bem-vinda!

É também fundamental descomplicar e delegar tarefas. É cansativo, sem dúvida. Não é que seja impossível de fazer no dia a dia, mas trata-se de um cansaço que se vai acumulando, por isso é importante redefinir prioridades, relativizar muita coisa e aceitar as ajudas que vierem.

Aos Pares: Ser mãe de gémeos é…

C: É algo especial. Se Deus nos escolheu é porque sabe que somos capazes!

Obrigada! <3

 

À conversa com Terapeuta do Sono, Mafalda Navarro – 8
À conversa com a Enfermeira Patrícia Jorge 6 - Amamentação!
10 Comentários
  • Paula Henriques

    Responder

    Tão giro! Revejo-me em alguns dos comentários! Também sou mãe de 3: miguel 4 anos, Nuno e Tiago! Gémeos verdadeiros de 2 anos! Ser mãe de gémeos e muito especial! Ser mãe de 3, um deles sem parelha… e um grande desafio!

  • Carmo cambão

    Responder

    ❤️Obrigada, Mariana!

    • Mariana Seara Cardoso

      Obrigada eu pela partilha.

  • Paula

    Responder

    Parabéns! Também sou mãe de 3, a Maria com 3 anos e o Pedro e a Sofia com 8 semanas. Revejo-me nessa aventura de ser mãe de gemeos muito mais que, ao contrário da entrevistada, cá em casa as tarefas recaem sobre nós os 2. Com todo o cansaço, desgaste e tempo que isso implica, ainda nao tratei de mim. Concluo que compensam todo o esforço e entrega, é uma benção.
    Felicidades para todos 🙂

  • Graça Lucas

    Responder

    Sempre te achei uma pessoa maravilhosa. Tenho a certeza que és abençoada. Um beijinho muito grande.

  • Susana Rodrigues

    Responder

    Mãe de 3 não é fácil, também tinha um menino com 10 anos quando desejamos ter mais um filho e…. pimba gravidez gemelar ,numa mãe com cronh ,duas meninas lindas. É muito trabalho falta sempre qualquer coisa,mas o amor é enorme. Parabéns à todas as mães de gémeos. É preciso muita saúde mental.

  • Patricia Pereira

    Responder

    A Carmo é um exemplo de mãe!!! O dia para ela parece que tem 48 horas!!! sempre com muita tranquilidade, é Top…

  • you could look here

    Responder

    I simply want to mention I’m newbie to blogging and site-building and certainly savored you’re web-site. Almost certainly I’m likely to bookmark your website . You really have outstanding writings. Thanks a bunch for revealing your web page.

  • Micah Pillard

    Responder

    House Lawyers… […]just below, are some totally unrelated sites to ours, however, they are definitely worth checking out[…]…

  • John Deere Technical Manuals

    Responder

    Youre so cool! I dont suppose Ive read anything similar to this prior to. So nice to locate somebody with many original applying for grants this subject. realy appreciation for starting this up. this site can be something that is needed on the internet, a person after a little originality. beneficial project for bringing something totally new to your net!

Deixe um comentário