A importância dos avós!

9 Comentários

Nós sabemos fazer os nossos filhos FELIZES, mas é importante, se conseguirmos, que eles tenham avós presentes.

Desde que a Matilde e o Tomás nasceram que tenho a sorte de tanto os meus pais como os meus sogros serem muito activos nas nossas vidas, quer dizer, na vida da Matilde e do Tomás. 🙂 🙂

Sem falar na ajuda aos pais por parte dos avós que é sempre boa, o convívio entre netos e avós é muito saudável. Acho muito importante que os meus filhos criem laços fortes com os avós. E os meus filhos até têm a sorte de ter 3 pares de avós – tenho uns tios do meu marido que são como os terceiros avós dos meus filhos e que nos ajudam muito nesta missão de sermos pais de gémeos! Com a ajuda de todos, às vezes até parece simples ter tantos filhos. Agradeço todos os dias a sorte que tenho de ter estas ajudas, pois sei que sem elas o meu papel não era, com certeza, tão bem desempenhado.

A Matilde e o Tomás adoram estar com todos e têm ligações especiais e diferentes com cada um, até porque são todos bem diferentes, e não se pode dizer com quem mais gostam de estar porque todos acrescentam algo importante para a formação deles.

Acho importante e apoio que os meus filhos (para já mais a Matilde e o Tomás) vão, por vezes, dormir a casa dos avós, passarem tempo de qualidade com eles, pois sinto que as visitas rápidas durante a semana não criam relações tão fortes, é sempre tudo a correr – porque é hora do banho, hora do jantar ou hora de dormir. As relações precisam de mais tempo e de momentos descontraídos para rir, fazer disparates, fugir dos avós, esconderem-se debaixo da cama,  porem os avós a rir, a correr atrás deles e até fazer com que andem de gatas e deitados no chão. No fundo, para brincarem e serem todos crianças! <3 <3

Posso dizer desde que os meus pais são avós, que lhes conheci lados que desconhecia. A alegria que um neto dá é enorme, às vezes vejo os meus pais a chegarem cansados do trabalho ou mais irritados com alguma coisa, mas se estão com a Matilde e o Tomás esquecem tudo e às vezes parecem umas crianças grandes felizes, sinto que os netos lhes trouxeram mais anos de vida e de uma vida rica de amor!

Infelizmente sei que às vezes nem todos temos a sorte de que os nossos filhos estejam com os avós, ou porque moramos longe, ou porque já não se encontram entre nós, ou porque simplesmente as nossas vidas às vezes não são compatíveis… Mas, se pudermos, devemos fomentar esta relação tão boa que é de um neto com os avós!

Agradeço aos três pares de avós dos meus filhos o amor que lhes dão e os valores que lhes transmitem em cada gesto e atitude que têm com eles. Rezo para que continuem a vê-los crescer, tal como eu tenho a sorte de as minhas avós me verem- uma delas dizia que nunca ia conhecer bisnetos e a verdade é que já lá vão quatro… ahahahah

<3 <3

 

 

Novidades no blog...
2 Meses de Maria do Carmo e Maria Francisca
9 Comentários
  • Isabel

    Responder

    Concordo contigo também faço questão nessa relação com os avós e o meu bebecas a minha mãe e a até mais perto esta é também diz que ele é o benu-ron dela ☺pode algo não estar bem mas se ele está lá nada afeta ☺ Bjinhos tão lindas as princesas e o princepe

  • Xica Maria

    Responder

    É incrível quando os avós mudam na presença de um neto. Eu nunca conheci a minha mãe assim… Brincalhona, com vontade de ensinar e brincar. Aquece-me o coração!

  • Ana nascimento

    Responder

    Concordo! O meu filho não tem a sorte de ter os avós perto (estão a 300km) mas ambos os lados da família tentam o máximo estar perto sempre que possível. Quanto a deixar passar a noite com os avós.. Ainda não consigo!!! Tem 13 meses. Se calhar se estivessem mais perto.. Mas mesmo assim.. Sou muito ciosa do adormecer, de estar ali pertinho.. Sou muito descontraída em muita coisa mas nisso.. Mas qdo for mais crescido vai passar muitas noites com os avós, faço questão! Ricas férias que vai ter!! 🙂

  • Sandra

    Responder

    Que lindo Mariana!
    Família linda!
    Os avós são um suporte tão mas tão importante…

    Bjs

  • Xana

    Responder

    Olá Mariana,

    De facto os Avós são uma “instituição”, eles são: sabedoria, carinho, amor, ternura, paciência, mimo e muito mais em pessoa.
    Aproveite toda a ajuda que lhe quiserem dar, porque essa será sempre genuína, e no meu caso foi quando eu aprendi o verdadeiro significado da palavra: gratidão. Eu estou muito grata à minha Mãe e à Mãe do meu ex-marido por tudo o que fizeram e ainda fazem pelas minhas “catraias” 🙂 e por mim.

    Um beijinho

  • reference

    Responder

    I just want to say I am just beginner to weblog and truly savored this blog site. Most likely I’m want to bookmark your site . You absolutely have exceptional article content. With thanks for revealing your website.

  • John Deere Service Manuals

    Responder

    This would be the appropriate blog if you really wants to discover this topic. You are aware of a great deal of its nearly difficult to argue on hand (not too I really would want…HaHa). You certainly put a whole new spin using a topic thats been discussing for decades. Wonderful stuff, just fantastic!

  • Fernando Eget

    Responder

    The next occasion I read a weblog, Hopefully that this doesnt disappoint me as much as this one. Come on, man, Yes, it was my choice to read, but When i thought youd have some thing fascinating to express. All I hear can be a number of whining about something you could fix should you werent too busy in search of attention.

  • Dewitt Hudley

    Responder

    Boa noite turma, provavelmente disparar um torpedo web gratuito está cada vez mais difícil devido a restrição das operadoras de telefone. Há ainda serviços de terceiros (sites) que prometem entregar meu SMS mas quase nunca chegam ao usuário final. Alguns como o Mundo oi e o Oi Torpedo funcionam mas e para as outras operadoras? E os que prometem que enviam e nada chega. Para onde está indo as meus SMS? E para a Tim, Vivo? Alguma Idéia? Ou significa ter de desembolsar?. É só um desabafo, realmente está difícil achar bons sites para enviar SMS de graça.

Deixe um comentário