Gémeos mais uma vez ?

1 Comentário

Gémeos ? 

Quando pensámos em ter mais filhos, uma das coisas de que falámos foi: E se forem gémeos outra vez? 

Ficámos meio assustados, mas ao mesmo tempo pensámos que não deve ser possível. Três pares de gémeos!? 

Adoro ser mãe de gémeos e não me via sem os meus dois pares. Eles são sem dúvida, a maior bênção que a vida me deu. Somos pessoas muito felizes e agradecidas por tudo o que vivemos com dois pares de gémeos. 

Ser Mãe de gémeos é algo inexplicável, um amor muito grande a dobrar e, no meu caso, a quadruplicar. 

Foram os 4 muito próximos e talvez não tenha aproveitado tudo a 100%, daí a vontade de agora ter mais filhos. Só queríamos um, mas isso não se escolhe. 

Já temos certezas e desta vez é mesmo só um filho. Vai ser uma nova aventura, uma gravidez que já está a ser diferente e acho que vou viver algo novo! 

Não sei o que é ter um filho, cuidar com calma e sem pressas. Tenho alguns medos e às vezes até penso que dois era melhor, mas na verdade queria ter uma gravidez calma e aproveitar tudo ao máximo. 

Confesso que já não me lembrava de muitas coisas, e às vezes ainda me esqueço que estou grávida. 

Vou, a partir de hoje, começar a aproveitar ao máximo. Acho que este bebé vai ser a cereja no topo do bolo da nossa família e sem dúvida, vai ser muito querido! 

Agora, só no final do mês vou saber o que aí vem. Desta vez ainda não tenho palpites e cá em casa as opiniões e desejos dividem-se! 

Beijinhos 

Look: Sacoor

Carteira : Furla

Amanhã vou estar em Guimarães - In Market!
Achei que o mau comportamento ia acalmar!!!!
1 Comentários
  • Ana Santos

    Responder

    Muitos parabéns! Tenho gémeas com quase 4 anos e um rapaz com quase 2 e adorei a experiência de ser mãe outra vez, acho que com elas não aproveitei todos os momentos da gravidez (até porque foram prematuras e estive das 26 às 32 semanas em repouso no hospital) e tenho de admitir que a sensação de tratar de um bebé depois de ter gémeos é de que conseguimos fazer aquilo com uma perna às costas, lol.

Deixe um comentário