Gravidez e dentes!

5 Comentários

Hoje, tive que ir a uma consulta com a minha médica dentista e amiga de há vários anos, a Dr.ª Ana Mexia.
Para além de uma clínica novinha em folha, giríssima e equipada com os melhores materiais, o seu tratamento e cuidado com os seus pacientes são excelentes. Por esta razão confio-lhe totalmente um dos tratamentos a que tenho mais horror. Costumo dizer: “antes um parto do que ir ao dentista”. Mas, hoje, graças à Ana, já não morro de stress quando tenho de ir tratar um dente. Para mim, a hipótese de ter uma dor de dentes é motivo de arrepio, só de pronunciar a frase.
Mas, o que será que uma grávida ou Mãe recente pode fazer para evitar mais este motivo de stress?
Existem muitas grávidas que não vão ao dentista com medo de prejudicar a saúde do seu bebé, mas por outro lado, também se queixam que o “bebé roubou o cálcio dos dentes e que a partir daí os dentes estragaram-se todos”. Em primeiro lugar, há que esclarecer este mito: o bebé não rouba o cálcio dos dentes, essa teoria é totalmente falsa.
O que acontece, e explica um aumento de índice de cárie durante os 9 meses e ainda no pós–parto, é que as mulheres nesta altura tendem a ingerir mais hidratos de carbono e são mais preguiçosas na escovagem. Assim, se já tinham alguma(s) cárie(s) estas aumentam de tamanho.
As bactérias cariogénicas adoram hidratos de carbono e por isso, são “fãs” das mulheres grávidas J.
Como prevenir? Deve, fazer uma consulta de rotina, mal saiba que está à espera de um filho. É uma atitude sensata, sobretudo porque pode evitar dores que provocam profundo mal estar físico, mental e psicológico durante uma fase na vida em que algumas mulheres passam a ter maior sensibilidade a certos alimentos. É aí que as dores aparecem com maior frequência.
Outra coisa que se deve desmitificar é sobre a anestesia. Uma mulher grávida pode levar anestesia, sem prejudicar o seu bebé, desde que devidamente avaliada pelo médico.
Por último, o que devemos fazer depois do parto ou durante a amamentação?
Devemos voltar a visitar o nosso dentista para uma consulta de check-up. Se tivermos o cuidado de ter os dentes tratados durante o período da gravidez, dificilmente faremos mais do que uma limpeza ao dentes, para diminuir a possível e muito habitual inflamação das gengivas, decorrente das alterações hormonais que sofremos.
Se não nos precavemos antes, pode-vos acontecer o mesmo que a mim…. Tive uma enorme dor de dentes e tive uma noite horrível…
Aconselho-vos, por tudo isto, a todas a visitarem o Vosso(a) dentista.
Se ainda não têm, aconselho-vos a irem à AM Smiling, à Dr.ª Ana Mexia. Não se vão arrepender, mesmo nada.

 

O dia devia ter mais horas...
Momentos aconchegados!
5 Comentários
  • raquel

    Responder

    Post maravilhoso. sou assistente de um dentista e subscrevo td. Ha mts mitos relacionados c gravidez/dentista. Obrigada por elucidar as pessoas!

  • seo fiverr

    Responder

    “Generally I do not read article on blogs, however I would like to say that this write-up very forced me to take a look at and do so! Your writing taste has been surprised me. Thank you, quite great post.”

  • Joana

    Responder

    Boa tarde, aconcelharam-me esta clínica, consegue dizer-me quais são os preços que praticam?

    • Mariana Seara Cardoso

      Olá Joana,
      Eu tenho seguro de saúde, por isso não sei os preços certos.
      Mas gostei muito de lá ir.
      Beijinhos e tudo a correr bem.

  • Margaretta Hailstock

    Responder

    I have discovered that good real estate agents just about everywhere are warming up to FSBO Advertising. They are seeing that it’s not just placing a sign in the front area. It’s really in relation to building relationships with these sellers who at some point will become consumers. So, while you give your time and effort to assisting these vendors go it alone — the “Law involving Reciprocity” kicks in. Good blog post.

    https://firlayer4hwangcoyne909.shutterfly.com/71

Deixe um comentário