Será que quer chamar a atenção?

1 Comentário

Ter tantos filhos e de idades tão próximas por vezes é muito complicado de gerir e, como tenho dito, é uma aprendizagem diária.

Hoje tive um episódio que acabou por ser engraçado, mas ao início estava a complicar-se…

Chegámos a casa da escola e ainda era cedo. Pus os 4 a brincar comigo na sala. Escolheram as brincadeiras a que queriam brincar, umas dos mais velhos, outras das mais novas, mas até se estavam a entender. Até que, de repente, a Matilde começou a implicar com todos e a pegar nos seus brinquedos e a tirar a todos.

Pior…o Tomás estava a fazer um puzzle, que por acaso até é dele e a Matilde, do nada, empurrou-o e puxou-lhe o cabelo! Ele começou a chorar, claro, e às tantas veio também a Maria do Carmo a correr bater na Matilde em defesa do irmão. Só visto!… Como é possível uma miúda daquele tamanho ter essa capacidade e defender assim o mano? ❤

A Matilde ficou a chorar, irritadíssima. Estava a tentar chamar a minha atenção. Como eu tinha ficado chateada com ela por ter batido ao Tomás, chorava cada vez mais até eu olhar para ela…

Depois de perceber que não estava a dar-lhe grande importância, foi até ao Tomás:

⁃ Eu não vou fazer mais mano, também? Desculpa. ☺

⁃ Bua mano, conseguiste fazer todos!! (Puzzles)

⁃ (Tomás) Eu desculpo, mana!

Depois disso fui dar um abraço à Matilde. Disse-lhe que era bonita e que tinha gostado que ela tivesse pedido desculpa ao mano.

E tentei explicar que não pode bater aos irmãos.

Acho que foi uma chamada de atenção, tem tido algumas deste género, mas acho que no fim acabou bem e percebeu que fez mal.

No fim abraço geral!

❤❤

Frio a caminho
Fim-de-semana cheio de MIMO!
1 Comentários

Deixe um comentário