Tempo a 100% para os nossos filhos!

6 Comentários

Tempo a 100% para os nossos filhos! 

Quando era nova não sabia que ia ser tão feliz enquantoMãe! Nunca fui daquelas pessoas obsessivas por ser Mãe e casar. Adorava a minha vida de adolescente, com amigos, viagens e saídas, mas a verdade é que, desde que sou Mãe descobri em mim algo muito forte e um AMOR por alguém (neste caso 5) inexplicável.

Não seria capaz de ser Mãe e tempo inteiro e viver apenas para os meus filhos, porque também preciso de ter o meu tempo, o meu trabalho, as minhas amigas e de namorar! 

Com 5, não tem sido fácil, mas vou voltar a perceber esse caminho. 🙂

Estas férias de Natal foram intensas e com poucas, para não dizer nenhumas, ajudas, um grande desafio para mim e para o meu marido.

Foi superado, mas não foi fácil e só foi possível porque ambos estivemos dedicados a 100% e deixamos os nossos trabalhos um pouco de lado. 

Foram dias cheios, noites mal dormidas, rotinas de férias que não são rotinas, em que anda tudo com horas trocadas.

Não conseguimos ter horas para nada. Confesso que essa parte é estranha e que muitas vezes os planos nos saiam furados, mas é o que é. Temos um recém nascido a mamar e nesta fase não podemos fazer grandes planos.

Foi maravilhoso ter estes dias com eles, mas confesso que a escola já está a fazer falta! 

Quem por aí também teve dias cheios com filhos e sem tempo para nada?

Voltar às rotinas?
Dias sem tempo!
6 Comentários
  • Daniele Medeiros

    Responder

    Ser mãe a 100% é sim difícil.
    Minha bebé fez 3 aninhos e ainda está comigo em casa,confesso que adorava vê la na creche,mas ñ consegui nenhuma vaga desde que ela nasceu,por isso optei por ser assim…não quero em uma ama,acredito que possa haver amas muito boas,mas ñ vou sair testando todas
    Tudo é feito de sacrifícios,e este é o meu,o pior ja passou e coisas boas sempre vêem!
    Bjinhos

    • Mariana Seara Cardoso

      Beijinho e obrigada pela partilha! 🙂

  • VL

    Responder

    Vou ser mãe pela segunda vez no espaço de ano e meio, percebi que é muito mais fácil deixá-los na creche… Porém optei por ser mãe a 100%, há dias de saturação…sim há, mas não há dinheiro que pague esse tempo.
    Tenho lido muitos comentários sobre a independência da mulher, blá blá , honestamente não me diz nada , se abdicarmos de 2/3anos de 30/35de carreira perdemos o quê?

    • Mariana Seara Cardoso

      Na verdade não perde nada, só ganha! <3

  • Helena

    Responder

    Sou mãe de 5.
    O mais novo tem 16 meses, está na fase da descoberta. Os meus mais velhos embora não sejam gêmeos são seguidos com 13 meses de diferença e acredita, não foi nem sempre é fácil. Fui e sou mãe a tempo inteiro ( embora trabalhe por conta própria).
    A rotina é algo essencial mas por vezes principalmente nas férias tens que esquecer um pouco as rotinas e aproveitar ao máximo, juntos.

    • Mariana Seara Cardoso

      Obrigada pela partilha 🙂
      Beijinhos

Deixe um comentário