O balanço do regresso!

5 Comentários

O balanço do regresso!

Agora que já passou a primeira semana de aulas, já dá para fazer um balanço e perceber como têm corrido estes primeiros dias.

Depois de um mês e meio sem escola já sabia que a adaptação à escola podia correr mal, mas tinha confiança que fosse correr bem.

Cá em casa não me posso queixar, em quatro filhos, só tem sido complicado com uma, até tenho sorte.

Nada me custa mais do que ver os meus filhos a chorar e a chamar por mim, mesmo a saber que estão bem e que vão ficar bem. Sei que pode ser mimo e que nada de mal pode acontecer, afinal a escola é muito importante e tem sido muita boa para eles.

Ao contrário das minhas expectativas a Maria do Carmo tem sido a mais difícil e até em casa pede para não ir para a escola. Tenho pensado no que a faz estar assim, e tenho algumas hipóteses:

1. Ter mudado para a parte de cima (onde é das mais novas) e ter deixado de controlar o recreio.
2. Ter estado tanto tempo em casa comigo que lhe custa este afastamento.
3. Estar a crescer e perceber que deixou de ser da zona dos bebés.

Também têm existido dois comportamentos distintos: com o pai é raro chorar, comigo chora sempre.

As minhas amigas que têm lá os filhos, contam-me que quando lá chegam ela vai a correr e a chorar a chamar por mim… fico de coração apertado e só me apetece ficar com ela em casa.

É bom ter este mimo, sentir que precisam de mim e que gostam de estar comigo, mas sei que mais tarde ou mais cedo vão crescer e vai ser tudo diferente…

Mas pronto, é assim que tem corrido por aqui, e por aí?

Beijinhos

Um alerta!!! 
Mais uma vez... lá foi ele!!!
5 Comentários
  • Patricia silva

    Responder

    Por aqui igual, só com uma e tem sido complicado.. chora sempre, chega a casa e repete vezes sem fim, que não quer ir para a escolinha sei que é uma fase mas custa tantoooooooooo

    • Mariana Seara Cardoso

      Pois é, mas vamos acredita que é uma adaptação. Afinal depois Nas férias estão muitos dias em casa.
      Beijinhos e tudo a melhorar por aí.

  • Graça

    Responder

    Chorar quando a Mariana a deixa ainda vá, mas associar e chorar sempre que vê alguém conhecido realmente parte o coração.
    Coitadinha, espero que tudo melhore rápido.

    • Mariana Seara Cardoso

      Pois é… dói o coração!
      Mas ao mesmo sei que são bem tratados e fico descansada!
      Beijinhos

  • The mother

    Responder

    Recentemente fui mãe de 2 meninas gémeas. O seu blog serviu um pouco de inspiração para partilhar a vida com gémeos. No seu caso parece fácil. 😉 sei por experiência que não será.
    Vou tentar partilhar a minha visão. Comecei agora.
    https://motheroftwingirls.blogs.sapo.pt/

Deixe um comentário